Alsácia, suas belas e pequenas cidades

2 set, 2016
  1. Home
  2. /
  3. Colunas
  4. /
  5. Viagem Inesquecível
  6. /
  7. Alsácia, suas belas e...
Publicidade

A Alsácia é uma região sui generis, faz fronteira com a Alemanha e a Suíça, e para quem leu minha coluna sobre Estrasburgo isto não é novidade, como disse, faz parte da França e já foi da Alemanha, portanto a História fez com que a cultura ficasse mesclada, resultando numa identificação ímpar, daí os alsacianos terem orgulho de dizer: “Não somos franceses, nem alemães, somos alsacianos!”

Poderíamos ter ficado somente em Estrasburgo e de lá sair para conhecer as outras cidades da Alsácia, mas preferimos dividir a viagem em duas parte: três dias para conhecer Estrasburgo, vinhedos ao redor e o castelo de Haut-Koenigsbourge e quatro dias em Rouffach, mais ao sul,  para conhecer as outras cidades. Descemos de carro pela Rota dos Vinhos Alsacianos, os Riesling e os Gewürztraminer, e achei excelente a nossa estratégia!

Escolhemos o Château d’Isenbourg  como nosso pouso, um charmoso hotel e spa na cidadezinha de Rouffach. Foi perfeito porque estávamos perto de várias encantadoras cidades da região. Saíamos para passear e na volta aproveitávamos para relaxar neste tranquilo local.

Château d'Isenbourg Foto Roberto PereiraNa foto da esquerda a varanda do Chateau d Isenbourg com a vila de Rouffach ao fundo, na foto da direita o spa com vista para o vinhedo do hotel Foto Roberto Pereira

Colmar foi a primeira a ser visitada, a 17 km do nosso hotel, esta “Petite Venise“, como é chamada, é a cidade mais bem preservada da Alsácia. Suas ruas de paralelepípedos, com prédios medievais, renascentistas, casas de enxaimel, contam História de 1000 anos da cidade. O antigo centro de Colmar, muito bem preservado, tem uma atmosfera romântica com sacadas cheias de flores, nele se encontra a famosa “rue des Têtes” com a antiga Bolsa de Vinhos. Há passeio de barco pelos canais ou de trenzinho, levando os turistas pelas ruas históricas.

Para quem gosta de Arte o Museu Unterlinden é imperdível, com obras e objetos da Idade Média, Renascimento, séculos XVI a XX.  Não deixe de visitar a Capela do Museu onde está o Retábulo de Isenheim, de Matthias Grünewald.

Centro antigo de Colmar Foto Roberto Pereira

 Eguisheim, a 12 Km de Rouffachfaz parte das  Les Plus Belle Villages de France, cercada pelas muralhas do século XIII e com fortificações austeras que tornam esta cidade muito elegante, e, como em todas as cidades da Alsácia, os turistas se encantam com a beleza das casas enxaimel, com os telhados pontiagudos e as cores brilhantes dos séculos XVI e XVII. O Castelo Feudal dos Condes de Eguisheim, no centro da cidade, foi onde nasceu Bruno Eguisheim, que mais tarde se tornou o Papa Leão IX. Há quem diga que Eguisheim parece a cidadezinha do conto de fadas João e Maria, tal o  encanto do lugar.

Eguisheim Foto Roberto Pereira

Kaysersberg, a  10 km de Colmar e a 25 Km de Rouffach, é muito pitoresca, mais parece cenário de filme, fica num vale rodeado de vinhas e colinas arborizadas. Suas ruas floridas e lojinhas charmosas atraem muitos turistas. A igreja de Invention de la Sainte-Croix, cuja construção se iniciou em 1327, fica no centro histórico da cidade e merece ser visitada, a bela pintura de Cristo, de Jean Bongart, é impactante e, se você tiver sorte, ainda poderá assistir a um concerto de música clássica no seu interior.

Uma fachada com as muralhas ao fundo, na fotoda direita e a Igreja da Invention de la Sainte-Croix na foto da esquerda Kaysersberg Foto Roberto Pereira

Fachada em Kaysersberg Foto Roberto Pereira

Ribeauvillé talvez seja uma das mais visitadas na Alsácia, como todas as outras cidades da Rota do Vinho, é encantadora com suas ruazinhas tortuosas onde não faltam restaurantes, lojinhas e vendas dos grands crus da região, especialmente o Riesling. A cidade é conhecida como a capital do kougelhopf, tradicional pâtisserie, feita de amêndoas que se come no café da manhã ou na sobremesa, não deixe de provar esta delícia.

O Museu do Vinho e da Viticultura é interessante para quem se interessa pelo assunto, durante a visita um enólogo explica todo o processo da fabricação do vinho, desde a colheita até a vinificação.

Pelas ruas de Ribeauville Foto Roberto Pereira

Winstub em Ribeauville Foto Roberto Pereira

Ribeauvillé é uma  cidade medieval com suas histórias e lendas, protegida por muralhas e com o “dolder”, uma torre de 1291, para vigiar suas muralhas… é mais uma das mágicas “villages” da Alsácia.

O dolder de Ribeauville na foto da esquerda e a placa de um restaurante na foto da direita Foto Roberto Pereira

Riquewihr fica ao lado de Ribeauvillé, a 5 Km, são quase que continuação uma da outra, tanto assim que os guias turísticos fazem o tour sempre com as duas cidades. Riquewihr recebeu também o título de um dos mais belos vilarejos da França, Les Plus Belle Villages de France, muito justamente, porque é uma linda cidade, chamada de museu ao ar livre, um perfeito cartão postal. Os vinhedos vão até às muralhas medievais e através de uma passagem nas muralhas se chega até eles.

Dolder de Riquewihr na foto da direita e ao fundo na foto da esquerda Foto Roberto Pereira

 

Riquewihr Foto Roberto Pereira

Um restaurante em Riquewihr Foto Roberto Pereira

Aproveitamos a proximidade e fomos à cidade de Mulhouse, a 28 Km de Rouffach, uma cidade industrial sem muitos atrativos, mas com o excelente Museu do Automóvel. São mais de 100 Bugattis, há também vários Mercedes, o Rolls Royce que pertenceu a Charles Chaplin, enfim, para quem gosta de carros, há modelos de 1878 até os luxuosos automóveis dos dias atuais. Gostamos bastante, valeu a visita, além do belo prédio e da rica coleção, tem restaurante e loja com produtos esportivos com bom preço.

Entrada do Museu do Automóvel e um carro antigo da coleção em Mulhouse Foto Roberto Pereira

Descobrir a  Alsácia nos deixou encantados! Visitar as cidades medievais, passear pelos vinhedos e degustar os vinhos da região, conhecer a cultura e a tradição de seu povo nos levaram a uma França bem diferente da que estávamos habituados. Foi mais uma viagem inesquecível!

Se você está pensando em uma viagem romântica vá para a Alsácia, se precisar de assessoria para programar seu roteiro conte com as agências de viagem e hotéis que a Inesquecível Casamento recomenda no Guia de Fornecedores.

Publicidade
Publicidade
Redação IC

Redação IC

fornecedor-inesquecivel

Encontre o fornecedor perfeito para o seu casamento

Publicidade
banners_640x640-02
Publicidade

Mais Lidas