Muita gente chega ao ateliê sem saber que renda e bordado são coisas diferentes. A gente pode, claro, bordar por cima de uma renda, juntando os dois elementos, o que muitas vezes acaba confundindo as clientes achando se tratar da mesma coisa.

Foto: Aszmann
Make: Thai Medeiros

Mas vamos aos fatos! Para começar, renda é todo tecido plano que forma um desenho com entrelaçamento de fios. Já o bordado é considerado uma arte de decorar tecidos com figuras e formas através do manuseio de fios e agulhas.

Com a renda, a gente pode cortar um pedaço e refazer um modelo, por exemplo. Já o Bordado é algo feito à mão, exclusivo, próprio de cada desejo.

Na Meeck Atelier, a gente adora trabalhar com o bordado manual, feito à mão, que eu mesma faço. Em especial utilizo duas técnicas: a Luneville, que é uma técnica que veio da alta-costura francesa, onde (com a ajuda de um bastidor e uma agulha especial) é possível aplicar miudezas como pedrarias e pérolas, à peça, e o bordado à mão mais tradicional, daqueles que nossas avós nos ensinaram.

Os dois dão efeitos lindos, tão lindos como o da renda pronta, sendo que o bordado feito à mao è mais sustentável, pois você compra os fios do jeito que você quiser, e sempre pode optar por aqueles de procedências controladas.

Uma outra opção sustentável são as rendas nordestinas de bilro – técnica que nasceu em Portugal, mas que ganhou grande valor em solo brasileiro.Meu trabalho com essa renda é executado por cooperativas de rendeiras nordestinas, que fazem o desenho e eu aplico no vestido.

O mais bacana, é que com o bordado ou a renda de bilro, eu posso adicionar cores às minhas criações. E não tem nada mais bonito e contemporâneo do que detalhes coloridos em um vestido de noiva.

Foto: Vero fotografia
Make: studio suzana caneca
Grinalda: Q.artz

Foto: Vero fotografia
Make: studio suzana caneca
Grinalda: Q.artz

Foto: Luciana Nogueira Make: Aline Azevedo

Foto: Wagner Oliva
Make: Roberta Jullien

Foto: Mini Click

Deixe seu Comentário