Fotos Roberto Pereira

Paris é Paris, não há adjetivos suficientes para descrever esta cidade. Vocês sempre ficarão encantados seja qual for a  estação do ano que escolherem para visitar a “cidade luz”, que assim ficou conhecida por atrair as mais “iluminadas” mentes da literatura e das artes desde a Belle Époque.

A nossa primeira vez em Paris foi em lua de mel… se Paris é fascinante a qualquer tempo, imaginem em lua de mel! Simplesmente inesquecível! Voltamos muitas vezes, porém nunca mais com aquele olhar!

(1968)

Hilma-Paris-1968-005Há lugares  em que não se pode deixar de ir, no mínimo uma vez, e a  Torre Eiffel é um deles. A vista é maravilhosa, compensa a interminável fila que se enfrenta para chegar lá em cima. Um segredo, reservem uma mesa no restaurante, para almoçar ou jantar, porque a entrada não é a mesma dos visitantes, vocês subirão rapidamente e poderão curtir Paris do alto, tranquilamente, degustando um bom vinho e apreciando o famoso paladar francês.

(1968)

Hilma-Paris-almoço

Na verdade há tanta coisa para ver e fazer que sempre teremos que escolher entre inúmeras opções.

Querem apreciar muitos pontos turísticos ao mesmo tempo? Peguem um barco, o Bâteaux Mouche, no Sena, vocês descobrirão a magia de ver, aqui e ali, surgirem os monumentos mais famosos  e que marcaram a história da França. Querem fazer como os parisienses? Assistam ao pôr do sol brindando às margens do Sena, vocês vão gostar!

(1997)

Paris-Sena-viagem-2004-iPad-0024Paris-as-margens-do-Sena-iPad_13Aug2013_4629

(2013)
Andar a pé por Paris, descobrir ruelas estreitas e lindos becos com paredes cobertas por heras, é um passeio inusitado que nos leva a recantos misteriosos…

Praças, parques e  jardins em Paris são românticos e muito bem cuidados. A Place des Vosges é considerada uma das mais belas do mundo e é a mais antiga da cidade(1612); na Place Vêndome se “respira” riqueza, reunindo a sua volta famosas joalherias e o luxuosíssimo Hotel Ritz; no Jardim de Luxemburgo, na verdade um grande parque, com gramados, fontes, lagos e belas alamedas, há um café com mesas ao ar livre, onde se pode sentar e apreciar tudo em volta.

Paris-023Paris-iPad-1020112St Germain tem o charme do velho bairro da boemia, onde escritores e artistas, os “iluminados”, se reuniam nos bares e cafés para debaterem suas ideias no Deux Magots  e no Café de Flore. Atualmente é cheio de lojas de grife, restaurantes estrelados, sorveterias e docerias deliciosas. Nossas tardes eram perfeitas, quando sentados num café na calçada, ficávamos apreciando o movimento com um “coupe de champagne” na mão ou tomando um expresso, a bebida não era importante, mas o prazer de curtir o momento era o mesmo.

Paris-bom-dia-iPad_15Aug2013_4715

Sempre será um programa muito bom, passear pela Av Champs Elysées, admirando a imponência do Arco do Triunfo, ou pela Ile de la Cité, onde Paris começou, ou pelas famosas pontes sobre o Sena. Uma visita à Catedral de Notre Dame, cheia de História e um dos símbolos marcantes de Paris, é obrigatória.

Paris é sempre linda, mas ao anoitecer é de tirar o fôlego.

Paris-Champs-Élysées-à-noite-Instagram_15Aug2013_4743Paris-Ponte-Alexandre-III-instagram_13Aug2013_4635Os grandes “boulevards” de Paris, de la Madeleine, des Capucines, des Italiens, são belas e largas avenidas, nelas estão a Ópera Garnier, ricamente decorada, seu interior tem superfícies folheadas a ouro, querubins e ninfas, maravilha  da arquitetura da época (1669), a igreja de Madeleine, detalhe à parte, foi onde assistimos à missa dominical em lua de mel, porque era pertinho do nosso hotel. Os grandes magazines também estão por lá, como a famosa Galeria Lafayette, sempre lotada de turistas do mundo inteiro, com os orientais comprando loucamente.

(1968)

Opera-de-Paris-1968-102Paris-Hilma-Opera-iPad_13Aug2013_4614(2013)

Paris-Opera-Instagram_15Aug2013_4713Nikon-França-templo-de-consumo-Instagram_16Aug2013_48501

Montmartre é outro charmoso bairro, na colina mais alta da cidade, com suas ruelas cheias de artistas e de típicos bistrôs. Lá em cima está a imensa Basílica de Sacre-Coeur, há nela um jardim com fonte para meditação. Para se chegar até o alto pode-se escolher entre o funicular, as escadarias, de onde se descortina uma linda vista ou o romântico trenzinho. Querem apimentar a viagem? Que tal uma visita ao Museu do Erotismo? Fica pertinho do famoso cabaré Moulin Rouge, no sopé de Montmartre.

Ver o sol se pondo, com a Basílica ao fundo, da janela do nosso hotel foi muito lindo. Se por acaso vocês se hospedarem no excelente e belo Hotel Banke, peçam um apartamento com vista para o Sacre-Coeur.

Paris-está-em-chamas-iPad_16Aug2013_4752Paris-Hotel-Bank-hall-iPad_14Aug2013_4696Vocês podem não ser fãs de museu, mas é imperdível conhecer o Louvre, vocês se encantarão com o contraste entre o prédio renascentista e a moderna pirâmide de vidro que dá acesso a todas as galerias. Este museu possui uma das mais importantes coleções de arte do mundo e devem ser vistas, pelo menos, três grandes obras: o quadro da Mona Lisa, a escultura da Vênus de Milo e a Vitória de Samotrácia.

Paris-Louvre-iPad_15Aug2013_4729Outro que vale a visita é o Museu D’Orsay, uma antiga estação de trem adaptada para exibir um acervo magnífico, como obras de Monet, Manet, Gauguin, Renoir, Van Gogh, Rodin, Degas, entre muitos. Não deixem de ir ao restaurante, que é excelente, mesmo que não pretendam almoçar nele, vale admirar a beleza do local, com suas pinturas no teto e imensos lustres de cristal.

(1997)

Paris-almoço-Hilma-Roberto-011-iPad

Querem conhecer a moderna Paris? Basta ir ao bairro La Defense, com seus edifícios enormes de arquitetura arrojada. Subindo no Arco de La Defense, vocês apreciarão a vista que é linda.

Ao anoitecer volte para “flanar” pelo bairro de Saint Germain, comer nos bistrôs e terminar a noite bebendo“champagne” no Café Les Deux Magots, brindando “felizes para sempre” !

É inesgotável o que se tem para fazer em Paris, aqui apenas uma amostra do que gosto de fazer nesta cidade.

PARIS TOUJOURS PARIS!

Ontem!

Paris-onibus-19682Hoje!

Paris-por-do-sol-iPad_16Aug2013_4764… e Sempre!

Paris-O-beijo-Instagram_14Aug2013_4670

8 comentários sobre “Paris, ontem, hoje e sempre!

Virginia Niederauer
05 novembro, 2014 7 anos ago

Maravilhoso!!! Texto e fotos de muito bom gosto. Parabéns Hilma e Roberto.

Hilma Pereira
11 novembro, 2014 7 anos ago

Obrigada Virginia pelo seu comentário. Hilma

Hugo Rufino
05 novembro, 2014 7 anos ago

Paris é linda! A foto do ônibus traz um ar de nostalgia. Me lembrei que meu filho, quando garoto, dizia: “Paris, Paris, eu adoro Paris.”

Hilma Pereira
11 novembro, 2014 7 anos ago

Hugo, Paris é realmente uma cidade inesquecível e cada vez que volto a esse lugar encontro algo novo para me emocionar.

Lucia Matques
28 janeiro, 2015 7 anos ago

Suas matérias sempre são maravilhosas !!!! Mais está sensacional !!! Bjs Lucia Marques

Hilma Pereira
04 fevereiro, 2015 7 anos ago

Obrigada, Lucia, continue acompanhando a minha coluna para você aproveitar as dicas nas próximas viagens.

Regina Salema
16 fevereiro, 2015 7 anos ago

Adoro as suas dicas de viagem.Como sou sempre” Paris” em primeiro lugar, gosto de rever tudo e você o fez muito bem.

Regina Salema
16 fevereiro, 2015 7 anos ago

Esqueci de dizer: preferia Paris com menos turistas como nas fotos de 1968.
As fotos ficaram ótimas para comparar: o ontem e o hoje. Parabéns!

Deixe seu Comentário

Posts mais acessados

Casamento ao ar livre: Elis e Bruno
Casamento judaico: Mayra e Carlos Alberto
Mostra Niterói 2022: Vem aí